Capa latas

Henkel prevê crescimento das vendas para a indústria de latas de alumínio

Companhia fornece lubrificantes, produtos para limpeza e aumento da mobilidade, além de vedantes

Multinacional alemã que atua desde 1955 no Brasil, a Henkel está otimista com a área de negócios da divisão de Tecnologias em Adesivo. O setor atende a cadeia produtiva de latas de alumínio com uma variedade de soluções — desde as bobinas do metal até o produto acabado.

Considerando o impacto da pandemia da Covid-19, Anderson Guerrero, head de Metal Packaging da Henkel para a América Latina Sul, explica que o balanço do ano passado foi positivo, com crescimento de 20%, do primeiro para o segundo semestre, e, de 6%, nos 12 meses.

“Esperamos aumentar em mais de 10% as vendas de produtos para esse segmento em 2021, devido aos investimentos anunciados pela Ambev e Crown em novas plantas produtivas, além de recuperar o que não foi produzido em 2020”, afirma.

A mudança no hábito de consumo, mais voltado para dentro dos lares durante a pandemia, favoreceu esse mercado, mas o executivo acrescenta que o envasamento de cervejas em latas de alumínio também saltou de 50% para 75%. Somam-se a isso as novas tendências, como água mineral, drinks e vinhos na latinha.

Segundo o dirigente da companhia, os lubrificantes da Henkel, combinados com tecnologias de lavagem, garantem para a indústria de latas de alumínio redução dos custos gerais do processo. A empresa também desenvolve soluções customizadas para os clientes.

O lançamento mais recente é o Bonderite C-IC 62035, desengraxante para a limpeza de resíduos orgânicos (óleos) e inorgânicos (finos de alumínio) das latas durante seu processo produtivo. De acordo com a Henkel, esse é o primeiro desengraxante a frio e de baixa geração de espuma para esse segmento.

 Planta eficiente

Inaugurada em 2019, a planta da Henkel dedicada à produção de tecnologias para o pré-tratamento de superfícies de peças metálicas e de alumínio, localizada em Jundiaí, a cerca de 70 km de São Paulo, conta com grande nível de automação, equipamentos com tecnologia de ponta e controle de processos e segurança.

A unidade foi projetada considerando a eficiência ambiental. O prédio aproveita o declive do terreno para a transferência de matéria-prima dos tanques para o reator, além de contar com sistema de lavador de gases para o controle das emissões atmosféricas, telhas translúcidas para reduzir o consumo de energia elétrica e ventilação natural.

O espaço ainda possui uma lagoa de contenção, com capacidade para armazenar até 1 milhão de litros de água, para ser utilizada em caso de acidentes – como incêndio ou derramamento químico – e coletar água da chuva para ser reutilizada após o tratamento.

A fábrica de Jundiaí, que ainda inclui as plantas Hotmelt, Base Água e Poliuretano, foi adquirida pela Henkel em 2008. Das 130 unidades da companhia espalhadas pelo mundo, essa foi considerada a 3ª com mais eficiência produtiva em 2018.

Veja também:

Novelis debate a reciclagem de alumínio na Virada Sustentável

A Novelis vai promover no dia 20 de setembro, durante a 11ª edição da Virada Sustentável, na cidade de São Paulo, o painel virtual “Transformando a reciclagem em propósito”. O foco será no olhar humano e social para a atividade, além dos benefícios para o meio ambiente. A moderação ficará a cargo de Ricardo Voltolini, CEO e fundador da consultoria

Novelis e empresas parceiras doam latas de água mineral a hospitais e comunidades

A Novelis e as empresas Bebidas Poty, Ardagh Metal Packaging (AMP), Metal Can e OTD Brasil Logística se engajaram em uma ação que une solidariedade e sustentabilidade. O objetivo é promover o acesso à água de qualidade, de forma segura, em uma embalagem de alumínio 100% reciclável. Durante o mês de setembro, as companhias se

Marca de cosméticos sustentáveis elege o alumínio para refil de seus produtos

Marca de cosméticos sustentáveis fundada no final de 2018 e que tem soluções orgânicas, veganas e 100% livres de toxinas, a Care Natural Beauty optou por embalar seus produtos com papel, vidro e alumínio – usado especialmente nos refis — para diminuir o uso do plástico. Em março de 2020, a empresa criada pelas amigas Patrícia

Rolar para cima