Cantos-de-Leitura-COOPAMARE-1 (1)

Novelis apoia projetos de incentivo à leitura em cidades brasileiras

Ação envolve Biblioteca do Futuro e espaços Cantos da Leitura e Arte Recicla

A Novelis, companhia que atua nas áreas de laminação e reciclagem de alumínio, patrocina três projetos em parceria com a Rede Educare voltados a espaços lúdicos e acervos de livros para pessoas em situação de vulnerabilidade social em cidades pelo país.

O Biblioteca do Futuro chega à Escola Municipal Profª. Julieta Reale Vieira, em Pindamonhangaba (SP), em outubro. O espaço convida alunos e educadores a entrarem em contato com o universo da sustentabilidade por meio de um acervo de 850 livros. Ao todo, 385 crianças serão beneficiadas.

“A leitura é a principal ferramenta para a formação de indivíduos e um poderoso instrumento na construção de um futuro digno e justo para todos. Ajudar a geração do futuro com conhecimento e oportunidade é uma prioridade para a companhia. Sentimos grande satisfação em poder participar de projetos como esse e dar continuidade a eles, mesmo com adversidades como a pandemia”, ressalta Eunice Lima, diretora de Comunicação e Relações Governamentais da Novelis América do Sul.

O projeto também será instalado na Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental Profª. Célia Inês Domingues de Arruda Assis, em Santo André (SP). A expectativa é atender 700 crianças e adolescentes.

Cantos de Leitura e Arte Recicla
A cidade de Pindamonhangaba também recebe neste mês a 5ª edição do Cantos de Leitura, que tem ambientação lúdica e conta com materiais pedagógicos e brinquedos educativos.

O espaço fica localizado na Escola Municipal Ayrton Senna da Silva, que também conta com o projeto Arte Recicla, que incentiva mulheres que atuam na cooperativa da cidade.

“Com foco na formação de novos leitores, o Cantos de Leitura acredita na abertura de perspectivas, na partilha de entendimentos e na socialização. Queremos estimular o contato de crianças, jovens e até adultos com a literatura, possibilitando o acesso gratuito da comunidade ao conhecimento” explica Kátia Rocha, diretora da Rede Educare.

Neste ano, a iniciativa realizada via Lei de Incentivo à Cultura, da Secretaria Especial da Cultura do Governo Federal, inaugura seis novos espaços em cidades brasileiras: Brasília (DF), Curitiba (PR), Santo André, São Paulo, Poá e Orlândia, no estado de São Paulo. Mais de 23 mil pessoas serão beneficiadas.

Veja também:

ABAL passa a integrar Fórum para Normalização Internacional de Bauxita

No Dia Mundial da Normalização, celebrado hoje, 14 de outubro, a Associação Brasileira do Alumínio (ABAL) anuncia seu ingresso no Fórum para Normalização Internacional de Bauxita. A entidade oficializou a inscrição como participante do Subcomitê 12 –Minérios de Alumínio, do Comitê Técnico 79 – Metais leves e suas ligas, da International Organization for Standardization (ISO). Denise

Centro Cultural do Alumínio (CCAL) traz oficina online para o Dia das Crianças

O Centro Cultural do Alumínio (CCAL) vai lançar, no dia 12 de outubro, a oficina online “Marionetes de Alumínio” no seu canal do Instagram. A atividade voltada para crianças será ministrada por Hernane Siqueira, artista educador da Artesão Studio de Art. Na oficina, que já foi gravada e ficará disponível para acesso do público, o

Árvores são protegidas com alumínio em incêndio na Califórnia, nos Estados Unidos

Os bombeiros do Parque Nacional da Sequoia, localizado no estado americano da Califórnia, utilizaram cobertores antifogo fabricados com folha de alumínio para resguardar as bases de árvores gigantes contra um incêndio florestal iniciado em setembro. O local abriga cerca de 2 mil árvores — cinco das maiores árvores do mundo estão ali. A sequoia mais

Rolar para cima