Cantos-de-Leitura-COOPAMARE-1 (1)

Novelis apoia projetos de incentivo à leitura em cidades brasileiras

Ação envolve Biblioteca do Futuro e espaços Cantos da Leitura e Arte Recicla

A Novelis, companhia que atua nas áreas de laminação e reciclagem de alumínio, patrocina três projetos em parceria com a Rede Educare voltados a espaços lúdicos e acervos de livros para pessoas em situação de vulnerabilidade social em cidades pelo país.

O Biblioteca do Futuro chega à Escola Municipal Profª. Julieta Reale Vieira, em Pindamonhangaba (SP), em outubro. O espaço convida alunos e educadores a entrarem em contato com o universo da sustentabilidade por meio de um acervo de 850 livros. Ao todo, 385 crianças serão beneficiadas.

“A leitura é a principal ferramenta para a formação de indivíduos e um poderoso instrumento na construção de um futuro digno e justo para todos. Ajudar a geração do futuro com conhecimento e oportunidade é uma prioridade para a companhia. Sentimos grande satisfação em poder participar de projetos como esse e dar continuidade a eles, mesmo com adversidades como a pandemia”, ressalta Eunice Lima, diretora de Comunicação e Relações Governamentais da Novelis América do Sul.

O projeto também será instalado na Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental Profª. Célia Inês Domingues de Arruda Assis, em Santo André (SP). A expectativa é atender 700 crianças e adolescentes.

Cantos de Leitura e Arte Recicla
A cidade de Pindamonhangaba também recebe neste mês a 5ª edição do Cantos de Leitura, que tem ambientação lúdica e conta com materiais pedagógicos e brinquedos educativos.

O espaço fica localizado na Escola Municipal Ayrton Senna da Silva, que também conta com o projeto Arte Recicla, que incentiva mulheres que atuam na cooperativa da cidade.

“Com foco na formação de novos leitores, o Cantos de Leitura acredita na abertura de perspectivas, na partilha de entendimentos e na socialização. Queremos estimular o contato de crianças, jovens e até adultos com a literatura, possibilitando o acesso gratuito da comunidade ao conhecimento” explica Kátia Rocha, diretora da Rede Educare.

Neste ano, a iniciativa realizada via Lei de Incentivo à Cultura, da Secretaria Especial da Cultura do Governo Federal, inaugura seis novos espaços em cidades brasileiras: Brasília (DF), Curitiba (PR), Santo André, São Paulo, Poá e Orlândia, no estado de São Paulo. Mais de 23 mil pessoas serão beneficiadas.

Veja também:

Setor do alumínio fatura R$ 135 bilhões e contribui com 5,6% do PIB industrial

Em 2023, a indústria brasileira do alumínio registrou faturamento de R$ 135 bilhões, segundo o 53º Anuário Estatístico da Associação Brasileira do Alumínio. O setor investiu R$ 5,6 bilhões, gerou mais de 511 mil empregos e viu suas exportações crescerem 21,6%, contribuindo com 5,6% do Produto Interno Bruto (PIB) industrial e registrando um superávit de

Anuário da ABAL mostra o desempenho da indústria brasileira do alumínio em 2023

Apesar dos desafios econômicos e geopolíticos enfrentados em 2023, a indústria brasileira do alumínio mostrou sua força e conquistou resultados significativos. Segundo o 53º Anuário Estatístico da Associação Brasileira do Alumínio, o faturamento da indústria atingiu cerca de R$ 135 bilhões. Destaque para a produção de alumínio primário, que cresceu 26%, atingindo mais de 1

Empresa alemã lança malas de alumínio

A Rimowa, marca alemã de malas, bolsas e acessórios de alumínio, lançou a coleção Verde Esmeralda. A novidade é composta dos modelos Original Trunk Plus (105 l), Original Check-In L (86 l) e Original Cabin (35 l). O alumínio, material escolhido pela marca, oferece diversas vantagens, além de sofisticação e sustentabilidade. Sua resistência e durabilidade

Rolar para cima
Rolar para cima