al_lamborghini_aluminio_materia

Lamborghini apresenta automóvel com estrutura de alumínio

Combinando consciência ambiental e um motor híbrido V8, empresa marca transição verde no mundo dos supercarros

A fabricante italiana de automóveis divulgou recentemente que está prestes a apresentar o sucessor de seu Huracan, adotando uma abordagem mais consciente em relação ao meio ambiente.

O futuro modelo esportivo de luxo, ainda sem nome definido, incorporará alumínio em sua estrutura, visando a melhorar suas características leves e, ao mesmo tempo, manter uma faixa de preço competitiva para o segmento de entrada no mercado.

A transição da Lamborghini para a utilização de alumínio em sua estrutura sublinha uma postura decisiva em direção à energia verde, evidenciando o compromisso da fabricante automotiva de reduzir as emissões de carbono e contribuir para um futuro mais sustentável.

O veículo inédito também terá seu motor convencional substituído para uma versão ambientalmente mais consciente e eletrificada. Deixará para trás o tradicional motor V10, dando lugar a um sistema híbrido plug-in com uma inovadora unidade de potência V8.

O motor será desenvolvido internamente pela marca para enfatizar o comprometimento da empresa com a engenharia autônoma e evitar dependências externas.

Inspirado ainda no hipercarro Revuelto equipado com motor V12, ele irá incorporar elementos de design característicos, como a icônica monocoque de fibra de carbono e as distintas luzes de LED em formato de Y.

Previsto para estrear globalmente no primeiro trimestre do ano, o veículo deve chegar ao mercado até o final de 2024.

Fonte: AlCircle.com

Foto: AlCircle.com

Veja também:

Setor do alumínio fatura R$ 135 bilhões e contribui com 5,6% do PIB industrial

Em 2023, a indústria brasileira do alumínio registrou faturamento de R$ 135 bilhões, segundo o 53º Anuário Estatístico da Associação Brasileira do Alumínio. O setor investiu R$ 5,6 bilhões, gerou mais de 511 mil empregos e viu suas exportações crescerem 21,6%, contribuindo com 5,6% do Produto Interno Bruto (PIB) industrial e registrando um superávit de

Anuário da ABAL mostra o desempenho da indústria brasileira do alumínio em 2023

Apesar dos desafios econômicos e geopolíticos enfrentados em 2023, a indústria brasileira do alumínio mostrou sua força e conquistou resultados significativos. Segundo o 53º Anuário Estatístico da Associação Brasileira do Alumínio, o faturamento da indústria atingiu cerca de R$ 135 bilhões. Destaque para a produção de alumínio primário, que cresceu 26%, atingindo mais de 1

Rolar para cima
Rolar para cima