Various of international money coin and banknote with blurred hourglass in the background. Time investment with currency exchange concept. Focus on dollar banknote.

Dólar deve permanecer instável até as eleições

Diante do alto valor da moeda norte-americana, exportações brasileiras aumentaram em 2018, mas superávit da balança comercial é menor

No dia 21 de agosto, semana passada, o dólar voltou a ultrapassar a marca dos R$ 4, o que não acontecia desde março de 2016. Enquanto produzíamos este texto, na tarde de 27 de agosto, a moeda norte-americana valia 4,08. Segundo especialistas ouvidos por uma reportagem do UOL, a instabilidade da moeda deve permanecer até pelo menos o fim das eleições presidenciais no Brasil.

Claro que fatores externos, como a crise cambial na Turquia e a expectativa sobre os juros dos Estados Unidos interferem, mas, segundo economistas consultados, investidores financeiros estão inseguros quanto à política econômica do próximo presidente.

Diante de tamanha indefinição, os especialistas ouvidos pelo UOL apostam em um valor de dólar bastante indefinido, podendo baixar para a casa dos R$ 3,60 (caso algum candidato que defende a austeridade fiscal, o controle dos gastos público e inflação, o pouco intervencionismo na economia etc. decole nas pesquisas) ou subir ainda mais. Segundo o boletim Focus, divulgado nesta segunda-feira (27) pelo Banco Central, a estimativa é que o dólar encerre 2018 valendo R$ 3,75.

Como fica a balança comercial diante do dólar alto?
É inevitável falar em dólar e não relacionar o assunto à balança comercial. Segundo dados do Ministério da Indústria e Comércio Exterior (MDIC) divulgados nesta segunda-feira, até 26 de agosto, a balança comercial registrou superávit de US$ 37,165 bilhões. O resultado é 21,2% inferior ao notado no mesmo período de 2017, quando o saldo positivo da balança foi de US$ 47,187 bilhões.

No acumulado do ano, as exportações cresceram 7% em relação ao ano passado, somando US$ 152,682 bilhões. Já as importações somam US$ 115,517 bilhões (aumento de 21% em relação ao mesmo período de 2017).

Veja também:

Hydro figura entre as 100 empresas inovadoras no uso de TI

A Hydro foi classificada entre As 100+ inovadoras no uso de TI 2019, na categoria Siderurgia, Metalurgia e Mineração. O estudo, realizado pelo Grupo IT Mídia em parceria com a PwC, seleciona e premia os projetos que melhor combinam processo e prática na utilização da tecnologia em benefício da inovação. “O reconhecimento de uma indicação

MRN comemora 10 anos do programa de pesquisa de primatas na Amazônia

No dia da Amazônia, celebrado em 5 de setembro, a Mineração Rio do Norte (MRN) comemorou os resultados do Programa de Monitoramento de Primatas, iniciado há 10 anos, para acompanhar o comportamento das espécies de macacos presentes na Floresta Nacional Saracá-Taquera, no Oeste do Pará, diante da presença de atividades humanas. Fabiano de Melo, biólogo

Conheça o processo e as vantagens da extrusão do alumínio

Por ser extensa, a cadeia produtiva do alumínio conta com alguns elos pouco conhecidos pela sociedade, apesar de o produto final estar presente no dia a dia das pessoas. Um deles é o segmento de extrusão, que disponibiliza perfis metálicos para vários setores, e envolve um processo que traz benefícios tanto para o mercado quanto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Menu