Operação Alcoa. Foto-Alcoa (1)

Alcoa completa 12 anos de investimentos em Juruti (PA)

Na área da educação, parceria com o Senai já qualificou 9 mil pessoas na região

Nesta quarta-feira, 15 de setembro, a Alcoa completa 12 anos desde a sua chegada no município de Juruti (PA), onde mantém uma mina de bauxita e movimenta o porto local. Além da preocupação com os negócios, a companhia mantém um olhar para o futuro da cidade, a partir de investimentos em diversas áreas, como a educação.

Em parceria com a prefeitura local, a mineradora investiu na utilização de um sistema de ensino profissionalizante antes mesmo do início da operação, em 2009. Em uma unidade do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), cerca de 9 mil pessoas já foram qualificadas nas mais diversas modalidades.

Todos que concluíram os cursos são avaliados e passam a integrar o banco de talentos da Alcoa e do Senai. Mais da metade dos alunos capacitados pelos Programas de Formação de Operadores e Operadoras (PFO) e de Manutenção (PFM) foi absorvida pela companhia e apresenta bom desempenho.

“Nossa operação tem sido um projeto inovador de mineração, desde a sua concepção. Além dos cuidados e investimentos em saúde, segurança, meio ambiente e infraestrutura, contribuímos para que a população de Juruti participe cada vez mais desse projeto, por meio da capacitação e qualificação, e possa gerar oportunidades para ingressar nos quadros da empresa”, comenta Genesis Costa, gerente-geral da Alcoa Juruti.

Ampliação
Já está prevista a construção de novas instalações do Senai em Juruti. Em um terreno de 9 mil m² doado pela Alcoa serão instalados modernos laboratórios para apoiar a aprendizagem.

“A unidade será um novo marco de desenvolvimento da educação profissional no município. Nossa perspectiva é continuar qualificando mais pessoas para a indústria local e para o mercado de trabalho, com o objetivo de melhorar os índices de empregabilidade local”, afirma Peter Rasera, diretor do Senai de Juruti.

Veja também:

Balança comercial: alumínio registra superávit no primeiro semestre de 2021

De acordo com a Associação Brasileira do Alumínio (ABAL), a balança comercial do setor no primeiro semestre de 2021 registrou superávit de US$ 623 milhões (valor FOB, sigla em inglês para designar o frete em que a responsabilidade pelo transporte da mercadoria é do cliente). O resultado positivo se deve, principalmente, às exportações de alumina

Novo IPad tem estrutura com alumínio 100% reciclado

Com foco no meio ambiente, os novos iPad e iPad mini têm estrutura com alumínio 100% reciclado e estão disponíveis nas cores prateado e cinza-espacial. Segundo a Apple, fabricante dos equipamentos, todos os modelos da linha contam com o metal. Atualmente, as operações corporativas globais da empresa são neutras em emissões de carbono. No entanto,

MRN promove semana de prevenção de acidentes

A Mineração Rio do Norte (MRN), produtora de bauxita com operação no distrito de Porto Trombetas, em Oriximiná (PA), realiza a Semana Interna de Prevenção de Acidentes na Mineração – Sipatmin 2021. Com o tema “Atitudes segura, vida saudável”, o evento em formato híbrido (presencial e on-line) ocorre até sexta-feira, dia 17 de setembro. A

Rolar para cima