plussixsplitter_0000_Morgan-Plus-Six-19_1

À moda antiga, mas com material moderno: Morgan usa chassi de alumínio

Plataforma de metal da geração CX é mais rígida que a de aço - e pesa apenas 97 kg

Fundada em 1910, a companhia britânica Morgan Motor é famosa por ainda produzir veículos esportivos de design clássico, quase que de forma artesanal e sob encomenda. Este ano, no entanto, a fabricante anunciou uma mudança significativa na produção.

A partir de 2020, a empresa iniciará uma transição para substituir o chassi de aço, produzido há 83 anos e que integra modelos clássicos — 4/4 (111 cv), Plus 4 (116 cv) e V6 Roadster (282 cv) —, para uma nova plataforma de alumínio da geração CX.

Nova platafoma de alumínio da geração CX é duas vezes mais rígida que a de aço e pesa apenas 97 kg (Crédito: Divulgação)

Atualmente, o 4/4, por exemplo, tem sobre o chassi de aço uma carroceria com estrutura de madeira revestida com chapas de alumínio, que já confere ao esportivo apenas 795 kg.

De acordo com a empresa, a platafoma de alumínio da geração CX é duas vezes mais rígida que o chassi de aço e pesa apenas 97 kg. A estrutura é aplicada no novo modelo Plus 6 (335 cv), e já integrou o Aero 8 (372 cv) e a segunda geração do Plus 8 (362 cv).

Steve Morris, CEO da Morgan Motor, afirmou que a nova plataforma representa um empreendimento significativo.

“Após o sucesso da plataforma e do Plus 6 no início deste ano, estou feliz por podermos finalmente revelar mais planos para os novos modelos em 2020.”

Veja também:

Ações sustentáveis da indústria do alumínio são destaque no ‘Financial Times’

Por conta do aniversário de 50 anos do International Aluminium Institute (IAI), o jornal britânico Financial Times vem publicando uma série de conteúdos que descrevem a jornada da entidade e da indústria do alumínio. O artigo ‘Aluminium: shaping a better tomorrow’, assinado por Mills Prosser, secretário-geral do IAI, aponta as contribuições do metal para o

Dia da Indústria: a importância do setor produtivo do alumínio brasileiro

Em 25 de maio comemora-se o Dia da Indústria. De acordo com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), o setor produtivo brasileiro respondeu por 22,2% do Produto Interno Bruto (PIB) e por 71,8% das exportações brasileiras em 2021. Os dados mais recentes indicam que o setor industrial também representa 68,6% do investimento empresarial em pesquisa

Folhas de alumínio para baterias de íons de lítio serão produzidas no Brasil

A produção de folhas de alumínio no Brasil, destinada majoritariamente para o setor de embalagens, em breve ganhará uma nova e importante aplicação. Um projeto desenvolvido pela parceria entre Companhia Brasileira de Alumínio (CBA) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) do Paraná irá avaliar a viabilidade da utilização da folha de alumínio nacional

Rolar para cima