high voltage post.High-voltage tower sky background.

CBA anuncia nova unidade de negócios para ativos de energia

Empresa administrará a operação de suas 21 usinas hidrelétricas

A Companhia Brasileira de Alumínio (CBA) comunicou a criação uma unidade de negócios específica para os ativos de energia. O objetivo é gerir internamente a operação de suas 21 usinas hidrelétricas, atualmente sob a responsabilidade da Votorantim Energia, por meio de contrato de prestação de serviço.

Em comunicado, a empresa informou que a transferência da gestão desses ativos hidrelétricos será realizada gradativamente até janeiro de 2022. A companhia reforça, ainda, que o movimento reitera o posicionamento como autoprodutora de energia e fortalece a estratégia de incremento da produção de alumínio sustentável.

A CBA foi fundada em 1941 e tem sede em Alumínio (SP). Atualmente, opera de maneira integrada no setor do alumínio, desde a mineração de bauxita até a produção de produtos transformados. Além disso, a empresa vende ao mercado a energia excedente não utilizada pelas fábricas espalhadas pelo país.

Recentemente, após iniciar a venda de ações na Bolsa de Valores de São Paulo, a B3, a companhia passou a integrar a carteira com 10 empresas com ações recomendada ESG da XP Investimentos. ESG é a sigla, em inglês, que remete a fatores ambientais (enviromental), sociais (social) e de governança (governance) de uma organização.

Veja também:

CBA fornece 70 t de alumínio para estruturas fotovoltaicas ao Ilumina Pantanal

A Companhia Brasileira de Alumínio (CBA) concluiu a entrega de 70 t de metal para estruturas de sustentação de painéis fotovoltaicos, desenvolvidos pela Omexom, do Grupo Vinci Energies, para atender o projeto Ilumina Pantanal. Trata-se de uma iniciativa do Grupo Energisa, Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, Ministério de Minas e Energia e

Rolar para cima