Água Ambev

Ambev lança este ano a primeira água mineral em lata do Brasil

Sustentabilidade do alumínio frente ao plástico foi determinante na decisão da multinacional

No momento em que a lata de alumínio completa trinta anos no País, uma excelente notícia: a Ambev deve lançar a primeira água mineral em lata do Brasil até dezembro. Disponível nas versões com e sem gás, o produto estará em embalagem com capacidade para 350 ml. A iniciativa vai ao encontro da tendência global entre fabricantes de bebidas: a substituição do plástico pelo alumínio para atender as exigências de consumidores cada vez mais conscientes em relação ao meio ambiente.

Segundo a agência de notícias Reuters, a iniciativa é parte da estratégia da matriz Anheuser Busch InBev para cumprir metas de sustentabilidade e também uma resposta a ações de concorrentes como a Coca-Cola, PepsiCo e Nestlé, que lançaram águas em lata no exterior.

Segundo a Reuters, a Ambev começará produzindo a versão em lata de água mineral Ama em uma cervejaria no Rio de Janeiro. A ideia, no entanto, é distribuir o produto para todo o País. O chefe de Sustentabilidade da companhia, Richard Lee, disse à Reuters que o preço da água em lata deve ser mais em conta para o consumidor do que o da água envasada em embalagens plástica.

“É mais caro trabalhar com a lata do que com o plástico, mas o que importa é o impacto. Não só as latas de alumínio são amplamente recicladas aqui como também são fonte de renda para milhares de famílias”, afirmou Lee à Reuters, destacando que o Brasil é líder em reciclagem de latas de alumínio no mundo. “Este é um lançamento muito especial para nós, que mais uma vez colocamos a sustentabilidade como um pilar central de nosso negócio. A gente gosta de repetir: nosso sonho é unir as pessoas por um mundo melhor. AMA em lata é mais um passo nessa direção”, completa o executivo.

Lançada em 2017, a Ama é uma marca de água cujo lucro é totalmente destinado a projetos de acesso à água potável em comunidades do semiárido brasileiro. O produto já arrecadou mais de R$ 3,5 milhões de lucro, valor integralmente revertido para 31 projetos de acesso à água potável, beneficiando mais de 29 mil pessoas. O objetivo é terminar 2019 com 50 projetos e 43 mil pessoas beneficiadas.

Crédito da imagem: Divulgação

Veja também:

Ball investe no e-commerce de bebidas em lata com campanha exclusiva

Com foco nos novos hábitos de consumo gerados pelo isolamento social, a Ball, fabricante de latas de alumínio, acaba de lançar o canal vadelatastore.com.br, junto com a campanha “Um brinde é o melhor presente”. Por meio da ação, os consumidores poderão enviar packs de latinhas, acompanhados por um cartão exclusivo do artista Pedro Henrique, autor

“Setor de embalagens é o que menos sofre, mas houve redução do consumo”

A crise sanitária causada pelo novo coronavírus impactou vários segmentos consumidores de alumínio. No entanto, o de embalagens tem sido mais resiliente, como explicou Milton Rego, presidente-executivo da Associação Brasileira do Alumínio (ABAL) durante live promovida pelo Instituto de Embalagens, no dia 11 de junho. Segundo Rego, como esse mercado está ligado aos insumos essenciais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Menu