Flauta (1)

Músico transforma tubo de alumínio da Prolind em flauta transversal

Versátil, metal supera as expectativas do artesão paulistano

Alceu Martinez Escalera já se especializou na fabricação de flautas transversais de bambu, trabalho que desenvolve há mais de 10 anos. No entanto, no final de 2020, o músico e artesão, que reside na capital paulista, decidiu comprar um tubo de alumínio da Prolind Alumínio no Marketplace Webmetal para testar a produção do instrumento.

Segundo o artesão, o bambu é um material difícil de trabalhar, porque não existem “tubos” perfeitos e retos, com seção circular e diâmetro constante. Além disso, a espessura da parede do material altera a afinação e a embocadura do instrumento de sopro, o que pode comprometer o produto. Já o alumínio é um material regular.

“Não tem como fazer duas flautas iguais com o bambu. Para fabricá-la em ‘ré’, é preciso ter uma distância de 58 cm entre nós, o que é raríssimo de conseguir. No caso do alumínio, é só cortar uma haste longa e chegar à afinação que quiser. Claro que é preciso descobrir a posição das furações, uma vez que não respeitam uma ordem matemática”, explica.

Escalera já havia fabricado uma flauta com um pedaço de metal que tinha em casa. Quando adquiriu o tubo de alumínio – de 7/8″ x 1/16″ — da Prolind Alumínio, mesmo não sendo as dimensões tradicionais, o resultado foi surpreendente

“A flauta ficou sensacional, obtive uma sonoridade fantástica. É um produto de alta qualidade”, ressalta.

De acordo com o artesão, como já possui experiência, não houve dificuldade de fazer o instrumento musical com o alumínio.

“Foram necessárias apenas brocas para as furações e uma serra para cortar o tubo. No bambu, o trabalho era feito com ferro quente”, conta.

Ele acrescentou que pretende comercializar as flautas transversais de metal.

Veja também:

Centro Cultural do Alumínio adquire nova obra para acervo permanente

O Centro Cultural do Alumínio (CCAL), localizado em São Paulo (SP), passa a contar no seu acervo permanente com a obra “Fauna 1 – Strigiprobóscio”, da artista visual Sandra Lapage. A escultura, criada a partir de cápsulas de café e latas de bebidas de alumínio usadas, remete a um manto cerimonial e celebra as formas da

Setor do alumínio apoia manifesto em favor das reformas estruturais necessárias ao País

A Associação Brasileira do Alumínio (ABAL) assinou o manifesto “O Brasil precisa de mudanças. As mudanças precisam de reformas”, junto com mais de 100 entidades setoriais que representam cerca de 45% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional. O documento, divulgado nos principais veículos de comunicação do país no dia 25 de fevereiro, ressalta a importância da

Renergen apresenta equipamento com alumínio para transporte de vacinas contra a Covid-19

Produtora de gás natural e hélio na África do Sul, a Renergen tem em seu portfólio um dispositivo para manter as vacinas contra a Covid-19 ultracongeladas, por até quatro semanas, durante o transporte. Batizado como Cryo-Vacc, o equipamento permite que os imunizantes sejam levados para locais distantes e cheguem, inclusive, em áreas remotas. O dispositivo

2 comentários em “Músico transforma tubo de alumínio da Prolind em flauta transversal”

  1. NAZIR ABRÃO ABDO

    FLAUTAS DE ALUMÍNIO.
    O FABRICANTE TERIA MELHORES RESULTADOS SE UTILIZASSE TUBOS TREFILADOS E ALUMÍNIO PARA CONTROLA MELHOR OS DIAMETROS E ESPESSURAS.
    TUBOS EXTRUDADOS TEM TOLERANCIAS MUITO GRANDES PARA ESTA APLICAÇÃO , NO CASO O,20 MM NA ESPESSURA MÉDIA E 0,25 MM DIÂMETRO MÉDIO.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima