Mauricio Gouvea_Alubar Press Day

Projetos da Alubar para 2020 são anunciados em Belém

Empresa busca manter ritmo de crescimento e liderança de mercado na América Latina

A Alubar – empresa que oferece soluções em condutores elétricos de alumínio e cobre para diversos empreendimentos de energia elétrica – divulgou as iniciativas programadas para este ano, durante evento com profissionais da imprensa em Belém (PA). O plano de ações envolve desde a inauguração de novas unidades até a renovação de patrocínios e a manutenção de projetos sociais.

Em relação à expansão, duas novas unidades começarão a produzir em 2020: a Alubar Montenegro, fábrica de cabos elétricos de alumínio, no Rio Grande do Sul, e a Alubar Metals, que produzirá vergalhões de alumínio a partir de março, em Bécancour, na província de Quebéc, no Canadá. Também estão previstos investimentos em novos equipamentos, treinamentos e contratações em todas as plantas.

“Nossa equipe em Barcarena (PA) fez um estudo profundo de oportunidades de negócios, até chegar aos investimentos em novas unidades que fizemos ano passado. Vamos consolidar isso em 2020, provando que é possível, sim, desenvolver um grande negócio a partir da Amazônia, com as pessoas que estão aqui”, afirma Maurício Gouvea, diretor-executivo da Alubar.

Veja também:

Sustentabilidade é valor transversal na Alubar

Conteúdo oferecido pela Alubar, patrocinadora do portal Revista Alumínio. Sustentabilidade é um valor transversal no desenvolvimento dos negócios da Alubar, empresa líder na América Latina na fabricação de cabos elétricos de alumínio e produtora de condutores elétricos de cobre para média e baixa tensão. Além de expandir em 60% a capacidade de produção em Barcarena

Alcoa adota medidas contra a Covid-19

Diante da pandemia de Covid-19, a Alcoa afirma que protege a saúde de seus colaboradores por meio de um extenso plano que segue todas as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e o Ministério da Saúde. A empresa também integra o Comitê Municipal de Crise para Enfrentamento da Emergência de Juruti, no Pará, onde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Menu