The Musket7

The Musket: uma obra de arte em duas rodas

Quando pensou em começar um novo projeto, Maxwell Hazan, proprietário da Hazan Motorworks quis que o motor fosse o “coração” da motocicleta a ser criada. Buscou por um motor grande, no caso o 65 XLH, tirou a transmissão e fez um processo de solda no restante. Dali em diante, pensou no desenho e soube qual material usaria: o alumínio.

The Musket foi o nome escolhido para a criação de Hazan. Com uma potência de 1000 cc, apenas os pneus de carro BF Goodrich Silvertown, as rodas e o farol foram comprados para compor a motocicleta, enquanto todo o restante foi feito artesanalmente por Hazan – desde o pinhão da engrenagem até o cubo dianteiro. A origem do modelo eram chapas, tubos e tarugos de alumínio. O freio a tambor da motocicleta chama a atenção: era originalmente uma peça de alumínio de 200 kg que passou por um processo de corte em uma máquina CNC (Comando Numérico Computadorizado).

A estrutura é feita com alumínio de alta resistência, assim como os tanques e para-lamas. O shock foi criado a partir de rolamento de bronze e o assento feito à mão à partir de um pedaço de nogueira envelhecida. Maxwell Hazan já foi premiado duas vezes pela Melhor Moto do Ano, pela Pipeburn, e com o novo modelo The Musket se aproxima de uma criação perfeita para os olhos e estradas.

Veja também:

Alumínio aplicado no primeiro Airbus 380 a entrar em operação se transforma em souvenir

Em janeiro deste ano, o primeiro avião do modelo Airbus 380 foi totalmente desmontado. Parte das 560 toneladas da fuselagem foi transformada em sete mil etiquetas de alumínio para bagagem, com edição limitada. O produto foi fabricado pela Aviation Tag, empresa especializada na transformação do material proveniente de aeronaves em souvenir. As etiquetas exclusivas podem

Novelis mantém parcerias estratégicas no setor automotivo

Com foco no desenvolvimento de veículos mais leves e eficientes, a Novelis está trabalhando com diversos produtores de equipamentos para veículos, os chamados Original Equipment Manufacturers (OEMs), para oferecer ligas de alumínio de alta resistência e com processos que atendam as demandas atuais. Atualmente, 100% das chapas de alumínio enviadas à fábrica da Jaguar Land Rover

Ligas modernas melhoram eficiência dos modelos da Mercedes-Benz

A equipe de pesquisa e desenvolvimento da montadora alemã Mercedes-Benz já utiliza ligas de alumínio em seus produtos. O objetivo é melhorar a eficiência de combustível e, consequentemente, diminuir o desgaste do automóvel. Os metais mais leves e duráveis estão presentes tanto nos chassis, carroceria, freios e aerofólio, como nos acabamentos internos — no caso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Menu