cars-1024x500

Mercedes-Benz e Honda transformam o mercado automotivo com uso estratégico de alumínio

Metal proporciona veículos mais leves, eficientes e sustentáveis

A indústria automotiva está cada vez mais voltada para o uso do alumínio, impulsionando inovações significativas e apresentando novidades promissoras para o mercado.

Segundo uma pesquisa realizada pela americana The Aluminum Association, a cada redução de 10% no peso de um automóvel, a eficiência de combustível pode aumentar de 5% a 10%. O estudo mostra ainda que cada kg de redução na massa do carro pode diminuir a emissão de gases de efeito estufa em 20 kg ao longo de toda a vida útil do veículo.

Além de ajudar a reduzir as emissões de gases poluentes, o alumínio proporciona maior rigidez e resistência à corrosão, melhorando a segurança e a durabilidade dos automóveis. Sua maleabilidade também permite criar designs aerodinâmicos e esteticamente atraentes, enquanto sua alta reciclabilidade reforça a sustentabilidade, tornando-o uma escolha preferencial para fabricantes que buscam inovação e responsabilidade ambiental.

Inovações

De acordo com a Associação Brasileira do Alumínio (ABAL), o aumento do uso do alumínio em aplicações automotivas é uma tendência global. Desde o powertrain até a carroceria, ele melhora a performance, propicia redução de peso, segurança e consumo energético dos veículos, contribuindo significativamente para uma produção veicular sustentável, de alta eficiência energética e de baixa emissão de CO2.

Por esse motivo, o mercado vem estudando e desenvolvendo cada vez mais inovações em veículos com o uso do metal. Alguns dos exemplos mais recentes incluem o inovador Smartchitecture, um carro autônomo de alumínio projetado pela Mercedes-Benz Design em colaboração com a estudante de Design Yida Li como parte de sua tese de bacharelado. Esse novo veículo explora as futuras possibilidades do design automotivo, combinando funcionalidade com apelo estético.

A designer utilizou como base o Smart car, um veículo da divisão da Daimler AG, empresa-mãe da Mercedes-Benz, transformando o típico carro compacto em um veículo multifuncional que combina aspectos de uma barraca móvel, RV (recreational vehicle ou veículo recreativo, em português) e design arquitetônico.

Predominantemente de alumínio, o veículo possui rodas de formato geométrico, arcos de rodas amplos e grelhas de alumínio para melhorar a eficiência aerodinâmica e a ventilação interna. Sua cabine circular é equipada com um pequeno teto redondo transparente que proporciona vistas panorâmicas aos passageiros. No interior, os assentos lembram sofás luxuosos, complementando a elegância do carro.

O seu design também foi inspirado na arquitetura Bauhaus e no termo “yuanlin”, que significa “floresta redonda”. A influência do Bauhaus é evidente nas formas suaves e curvas delicadas do veículo, visíveis no exterior, nos arcos das rodas e no layout da cabine.

O Smartchitecture foi apresentado por Yida Li em fevereiro de 2024, no CongressCentrum Pforzheim, na Alemanha, por meio de um modelo em escala 1:4. Embora ainda seja um carro conceito, ele se mostra bastante promissor para o mercado.

Veja o vídeo do carro:

 

Veículos elétricos

O chassi de alumínio do novo veículo elétrico (EV) da Honda também inaugura uma nova era de desempenho e eficiência no mercado automotivo. Projetado para competir com líderes como Tesla Model 3 e BYD Seal, o sedã EV é parte da ambiciosa Série 0 da Honda, que planeja lançar sete modelos de EV até 2030.

A inovação central, no entanto, fica por conta da utilização extensiva de estruturas de chassi leves de alumínio, inspiradas na técnica pioneira de fundição sob pressão do Tesla Model Y. Essa abordagem pretende não só reduzir a complexidade das peças, mas também diminuir peso e custos, destacando o compromisso da Honda de aproveitar as propriedades únicas do alumínio para melhorar desempenho e eficiência.

A Honda está avançando com novos “e-eixos”, os quais integram motor, inversor e caixa de câmbio em uma única unidade, economizando, aproximadamente, 100 kg em comparação aos modelos EV atuais. Esses veículos, equipados com tração nas quatro rodas e plataforma skateboard de piso reduzido, prometem uma condução mais esportiva e distribuição de peso otimizada.

Além dos avanços tecnológicos e do uso do alumínio, a Honda planeja produzir baterias internamente por meio de uma joint venture com a LG, iniciando operações em 2025 com capacidade anual de 40 GWh. A empresa também está focada na reciclagem de baterias e na obtenção de matérias-primas, com o objetivo de reduzir os custos das baterias em 20% até 2030. Globalmente, a Honda planeja uma redução de 35% nos custos de produção nesse mesmo período.

Outros estudos

Um estudo recente realizado pela Alumobility, associação global comprometida com o avanço do uso do alumínio na indústria automobilística, em parceria com a Porsche apresentou resultados positivos da conversão da estrutura superior do Porsche Taycan para um design completamente de alumínio, destacando a significativa redução de peso e melhoria de desempenho.

Intitulado Estudo de Redução de Peso com Alumínio: Uma Conversão da Estrutura Superior do Porsche Taycan de Material Misto para um Design em Alumínio, ele foi apresentado na conferência Car Body Xperience, realizada recentemente pela Automotive Circle, em Michigan, nos Estados Unidos.

A pesquisa explorou a conversão da estrutura do Porsche Taycan para alumínio, visando a uma redução de peso de cerca de 40% em comparação com o aço, mantendo os atributos de segurança, rigidez da carroceria e desempenho.

Além de destacar benefícios como eficiência de fabricação, reduzindo o número de peças, tipos de junta e contagem total de juntas, mostrou a redução de emissões ao longo da vida útil. O estudo demonstrou ainda que o alumínio reciclado pode oferecer vantagens significativas na produção de veículos mais leves e sustentáveis.

Fotos: AlCircle.com

Veja também:

Brompton e Hydro apresentam aro de bicicleta de alumínio 100% reciclado

Com o intuito de aumentar o uso de alumínio de baixo carbono em suas bicicletas dobráveis, a Brompton, fabricante londrina, firmou parceria com a Hydro, empresa de alumínio e energia renovável. Em junho, lançaram o primeiro aro de roda de bicicleta do mundo produzido com 100% de alumínio reciclado. Os aros de bicicleta, feitos de

Empresa indiana lança celular com detalhes de alumínio na câmara

A Realme lançou recentemente, na Índia, o Narzo N63, um smartphone econômico que, segundo a fabricante, destaca-se pelo design elegante e acabamento de couro vegano. Detalhes de alumínio na câmara proporcionam um visual duradouro, resistente a riscos e desgastes. Além da estética sofisticada, o metal contribui para um melhor desempenho da câmara, dissipando o calor

Medida Provisória 1.227/2024 aumenta carga tributária e causa insegurança jurídica

A Associação Brasileira do Alumínio (ABAL) divulgou um comunicado expressando sua preocupação com as recentes alterações promovidas pela Medida Provisória nº 1.227 de 2024, editada no último dia 4 de junho pelo governo federal. A nova medida impõe restrições ao uso de créditos presumidos de PIS/Pasep e Cofins para pessoas jurídicas. Isso significa que as

Rolar para cima
Rolar para cima