Fachada HPTR (2)

Mantido pela MRN, Hospital de Porto Trombetas completa 36 anos no Pará

Já foram realizados 750 mil atendimentos desde o início de suas atividades

O Hospital de Porto Trombetas (HPTR), localizado no distrito de mesmo nome, no município paraense de Oriximiná, comemora 36 anos de funcionamento nesta sexta-feira, dia 23 de julho.

Mantido pela Mineração Rio do Norte (MRN) e gerenciado pela Pró-Saúde, o estabelecimento possui mais de 20 especialidades e já realizou cerca de 750 mil atendimentos, incluindo ambulatoriais, de urgência, cirúrgicos e internações. 

O HPTR também tem acompanhado as mudanças na região, evoluindo na qualidade profissional, técnica e de infraestrutura.

“Crescemos com tecnologias, pessoal, treinamento e especialistas. Nossos principais desafios são conseguir atender as comunidades de Porto Trombetas, quilombolas e ribeirinhas de Oriximiná, considerando as especificidades de saúde, região e logística com as compras de materiais”, explica Diogo Abreu, gerente do Departamento de Saúde da MRN. 

Boas práticas
Uma das conquistas do hospital é o selo de qualidade emitido pelo Conselho Federal de Enfermagem, em 2019, que certifica as boas práticas no segmento. Atualmente, a equipe do HPTR trabalha para obter nova certificação, dessa vez internacional, relacionada à segurança do paciente.

Pandemia
Entre os maiores desafios desde o início das atividades consta a atuação de forma intensa na linha de frente da prevenção e combate à Covid-19, sendo referência de assistência à saúde para as comunidades da região do Porto Trombetas e Alto Trombetas. 

“Além do atendimento hospitalar, participamos da campanha de prevenção junto ao comitê de crise e à equipe da MRN. Fizemos testagem e isolamento em massa, tratamento imediato em todos os pacientes que nos procuraram, contratamos equipe exclusiva e criamos uma unidade exclusiva de Covid-19. Disponibilizamos ainda uma UTI móvel para a retirada de pacientes graves e críticos, entre outras ações, conduzidas bravamente no cenário da pandemia. Atualmente, também estamos vacinando alguns grupos prioritários em um posto montado no Cineteatro de Porto Trombetas”, comenta Abreu.   

  Créditos das fotos: divulgação Pró-Saúde

Veja também:

Hydro envia insumos para apoiar vacinação contra a Covid-19 no Pará

Para continuar contribuindo com os esforços do Pará no combate à pandemia da Covid-19, a Hydro doou 250 mil seringas e agulhas às secretarias de Estado de Saúde Pública (Sespa) e de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme). “Neste momento de grandes desafios, é importante nos unirmos para ajudar nas iniciativas mais relevantes para a

Gincana solidária da Prolind arrecada mais de 2 toneladas de alimentos

Em comemoração aos 30 anos de fundação, a Prolind Alumínio organizou uma gincana solidária entre seus colaboradores. Sete grupos de voluntários inscreveram-se para participar das atividades e arrecadação de alimentos e roupas para instituições beneficentes. No total, foram conseguidos 1.182 kg de alimentos, 292 agasalhos e 585 peças de roupas. A empresa, por sua vez,

Alubar segue com doações para vacinação contra a Covid-19 no Pará

No dia 08 de setembro, a Alubar promoveu mais uma doação de itens necessários para a aplicação de imunizantes contra a Covid-19 em nove municípios paraenses. Até o dia 14 de setembro, mais oito cidades da região serão contempladas. Os 730 kits incluem algodões, bobinas de gelo, caixas organizadoras e térmicas com medidores de temperatura,

Rolar para cima