media

Inscrições para programa de trainee do Grupo Prysmian encerram-se esta semana

Jovens profissionais têm até quinta-feira, 31 de outubro, para se candidatar

Os interessados em uma vaga na edição 2020 do programa de trainee do Grupo Prysmian, o Build the Future, devem correr: o prazo máximo para inscrição é quinta-feira, dia 31 de outubro.

A multinacional italiana, fabricante de cabos e sistemas de energia e de telecomunicações, seleciona profissionais para uma experiência imersiva nas unidades do Brasil e no mundo. O programa começa com duas semanas na matriz, em Milão, Itália, onde a empresa apresentará os negócios e produtos, demonstrados na prática com a visita a uma das plantas industriais.

As duas semanas de integração possibilitarão que os estagiários voltem ao Brasil e participem, em uma das sete plantas industriais no País, de um trabalho de até nove meses em três diferentes áreas:
– Comercial;
– Pesquisa & Desenvolvimento
– Operações.

Os últimos três meses, completando um ano de atividades após a imersão, terão como objetivo “aquecer” os profissionais para uma missão internacional de dois anos. Encerrada a fase no exterior, os participantes voltam ao Brasil para assumir nova responsabilidade nas áreas técnicas ou de negócios, iniciando a carreira júnior no Grupo Prysmian.

Quem pode se inscrever?
O programa aceita as inscrições de jovens recém-graduados (até 18 meses após a emissão do diploma) ou que estejam prestes a encerrar a graduação em áreas relacionadas à Engenharia, Administração e Economia.

É fundamental ser fluente em inglês, ter excelente capacidade e habilidades comunicativas e disposição para aprender e se relacionar com outros colegas. Experiências internacionais, como estágios e intercâmbios, são diferenciais. Para se inscrever, clique aqui.

Crédito da imagem de abertura: divulgação

Veja também:

Vantagens do alumínio: metal oferece excelente condutividade elétrica

O alumínio tem uma série de características que o tornam ideal para o setor de cabos. Em seu estado puro tem condutividade elétrica de 62%, segundo o International Annealed Copper Standard (IACS). O índice não é o mesmo que o do cobre (100%, de acordo com o IACS), porém, ao se somar a condutividade à

Hydro firma acordo para uso de gás natural na Alunorte em 2022

A multinacional norueguesa Hydro assinou, no dia 15 de abril, memorando de entendimento com a New Fortress Energy (NFE), empresa global de infraestrutura de energia criada para acelerar a transição para energia limpa. O objetivo é substituir a maior parte do consumo atual de óleo combustível na refinaria de alumina Alunorte, em Barcarena, no Estado

Hydro REIN é a nova subsidiária da multinacional noruguesa

Como parte da estratégia para se fortalecer na área de alumínio de baixo carbono, a Hydro criou, no ano passado, uma unidade de negócios chamada Crescimento Renovável. Após amadurecer a iniciativa, a companhia acaba de anunciar uma nova empresa, a Hydro REIN – o termo significa “puro”, em norueguês. O objetivo é ajudar a própria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima