capa (1)

Indústria fabrica fita de alumínio para cloroquina em apenas um dia

Produto será usado nas embalagens do medicamento que está sendo testado para combater a Covid-19

Para atender a demanda do governo federal em relação ao aumento da produção de cloroquina no Laboratório Químico e Farmacêutico do Exército (LQFEX), a indústria de embalagens do Grupo Prati-Donaduzzi, Centralpack, desenvolveu, em apenas um dia, a fita de alumínio que será utilizada nas embalagens do medicamento.

“Como é um medicamento que, provavelmente, o Ministério da Saúde utilizará para o combate ao coronavírus, não medimos esforços em ajudar neste momento. Um processo que demora 20 dias foi realizado em tempo recorde”, explica Gimenes Silva, diretor da Centralpack.

Segundo o diretor, a execução da demanda em regime de urgência foi possível graças à tecnologia aliada ao processo produtivo. “Como temos grande potencialidade na produção de embalagens, apresentamos as soluções necessárias com qualidade e agilidade.” 

O alumínio é um aliado importante quando usado em embalagens para remédios. Por não permitir a passagem de umidade, oxigênio e luz, o metal evita a deterioração não só de medicamentos, mas de outros produtos consumíveis.

Veja também:

Refeição via delivery: cresce demanda por embalagens de alumínio

A quarentena adotada para conter a pandemia do novo coronavírus no Brasil tem impulsionado o sistema de entrega de refeições. Desde o início do ano, o aplicativo Rappi – um dos principais do segmento – registrou aumento de 30% no número de pedidos nas categorias de farmácia, restaurante e supermercado. O movimento tem refletido na

Indústria de latas de alumínio trabalha para manter abastecimento durante pandemia

Diante da situação emergencial instalada por conta da pandemia do novo coronavírus, a Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas de Alumínio (Abralatas) desenvolve várias iniciativas para garantir o abastecimento das embalagens para bebidas à população. Uma das ações foi o envio de uma carta ao Ministério da Economia e Casa Civil ressaltando a importância da

Brasil mantém a liderança mundial na reciclagem de latas de alumínio

O Brasil permanece como campeão mundial em reciclagem de latas de alumínio para bebidas. Segundo a Associação Brasileira do Alumínio (ABAL) e Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas de Alumínio (Abralatas), em 2018, a indústria do alumínio coletou e reaproveitou 96,9% dessas embalagens, o equivalente a cerca de 26 bilhões de unidades. Em números exatos,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Menu