Resíduo de Bauxita - Filtro Prensa ALN (3) (1) (1)

Hydro investe em pesquisa para uso de resíduos de bauxita na construção civil

Estudo em parceria com a USP tem prazo de 2 anos e avaliará a produção de pisos cimentícios

A multinacional norueguesa Hydro assinou um convênio com a Universidade de São Paulo (USP) para a realização de um projeto de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) sobre o uso do resíduo de bauxita – proveniente da mineração de suas operações – na construção civil. A companhia aplicará R$ 2,2 milhões nesta iniciativa que terá duração de 2 anos.

O objetivo inicial será analisar o uso do resíduo para a produção de pisos cimentícios que se mostrem vantajosos do ponto de vista ambiental e ao longo de seu ciclo de vida. A pesquisa será conduzida pelo Laboratório de Microestrutura e Ecoeficiência de Materiais (LME) do Departamento de Engenharia de Construção Civil da Escola Politécnica da USP.

“Temos investido fortemente na busca por alternativas de uso mais sustentáveis para o resíduo de bauxita. A parceria com a USP reforça nosso alcance e portfólio em pesquisa e desenvolvimento. Este grupo de pesquisadores é reconhecido internacionalmente por trabalhos com esse tipo de resíduo e pelo desenvolvimento de produtos cimentícios ecoeficientes”, afirma Marcelo Montini, consultor sênior químico da área de Tecnologia da Hydro.

O uso de matérias-primas alternativas tem o potencial de reduzir a pegada de carbono e contribuir com a sustentabilidade da indústria do cimento, que hoje é responsável por 10% das emissões de CO2 no mundo. A introdução dos novos produtos no mercado também é uma oportunidade de geração de negócios, emprego e renda, promovendo o desenvolvimento da região.

Veja também:

O papel do alumínio para a retomada do setor da construção civil

A retomada da economia no pós-pandemia é uma realidade que tem tomado forma dia após dia. No segundo semestre de 2020 isso já pôde ser percebido no setor da construção civil, cujo crescimento se manteve durante o primeiro trimestre de 2021. Embora o segundo trimestre deste ano tenha apresentado pequena queda, devido aos altos estoques

Cortina de alumínio assinada por Kengo Kuma é destaque em Barcelona

O renomado arquiteto japonês Kengo Kuma desenvolveu um projeto especial com alumínio como parte de uma série de intervenções de artistas e designers para a Casa Batlló – edifício modernista concebido por Antoni Gaudí, em Barcelona, na Espanha. O prédio figura na lista do patrimônio mundial da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência

Projeção do PIB da construção sobe de 2,5% para 4% em 2021

A Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) divulgou, no dia 26 de julho, estudo sobre o desempenho econômico do mercado no segundo trimestre de 2021. Os dados apontam para crescimento de 4% do Produto Interno Bruto (PIB) do setor em 2021, retornando ao patamar previsto no início do ano. Se confirmado, será o maior

Rolar para cima