trofeugp-brasilf1-2019

GP Brasil de Fórmula 1 entrega troféu de alumínio fundido ao vencedor Max Verstappen

Peça homenageia Ayrton Senna, com menção às 41 vitórias do ídolo na modalidade

O holandês Max Verstappen foi o vencedor do movimentado GP Brasil de Fórmula 1, realizado ontem, 17 de novembro, no Autódromo José Carlos Pace, em São Paulo. Como prêmio, o piloto recebeu um belo troféu produzido com alumínio fundido.

A peça faz referência às 41 vitórias de Ayrton Senna na Fórmula 1, com imagens em 3D gravadas em toda a extensão do metal — a primeira vitória do ídolo brasileiro foi no GP de Portugal, em 1985; a última, no GP da Austrália, em 1993.

O troféu — idealizado em dois formatos, sendo um de 40 cm de altura e outro de 50, com peso aproximado de 2 kg e 2,7 kg, respectivamente —, foi desenvolvido pela agência Publicis, sob encomenda da cervejaria Heineken, patrocinadora do GP Brasil, e a família Senna.

Crédito da imagem de abertura: divulgação Heineken

Veja também:

MRN amplia projeto e garante estudo a alunos em comunidades do Pará

Jovens das comunidades do Alto Trombetas II, localizada na cidade de Oriximiná, Oeste do Pará, cursarão o Ensino Médio com a expansão do Projeto de Apoio à Educação Básica que a Mineração Rio Norte (MRN) mantém com as comunidades quilombolas vizinhas da empresa. “O projeto oferece escola com condições reais de participação desses alunos, para que

Ibram afirma que produção mineral cresceu 11% em 2019

No mesmo dia em que o IBGE divulgou que a indústria extrativa apresentou queda de 9,7% em 2019, sendo determinante para recuo de 1,1% no desempenho da produção industrial brasileira, o Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram) apresentou outros resultados: segundo o órgão, a produção mineral, excluindo os segmentos de óleo e gás, cresceu 11% em

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Menu