0 (5) (1)

Governo abre consulta pública sobre logística reversa das latas de alumínio

Presidente-executivo da ABAL participa da abertura do processo em Brasília

O Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, assinou na quarta-feira (19/8) a portaria que abre consulta pública da proposta do “Termo de Compromisso para o Aperfeiçoamento do Sistema de Logística Reversa das Latas de Alumínio para Bebidas”.

Milton Rego, presidente-executivo da Associação Brasileira do Alumínio (ABAL), participou do evento, em Brasília. Para o dirigente, o texto reforça ainda mais o comprometimento do setor com a preservação do meio ambiente, tendo como objetivo aperfeiçoar o sistema de logística reversa da lata, com a manutenção do elevado índice de reciclagem no patamar de 95%.

“O volume reciclado de lata economiza, aproximadamente, 5 mil GWh/ano ou 1% do total consumido no Brasil e sua logística reversa garante geração de renda na ordem de R$ 5 bilhões por ano”, comenta.

As contribuições para a proposta, que foi elaborada com apoio de entidades representativas e da Frente Parlamentar em Defesa da Cadeia Produtiva da Reciclagem, devem ser encaminhadas até o dia 18 de setembro de 2020, por meio deste formulário eletrônico.

Conheça os números do setor:

  • O Brasil é o terceiro maior mercado mundial de latas;
  • O setor consome 1/4 de todo o alumínio comercializado no país;
  • A lata é a principal embalagem para cerveja do Brasil;
  • A logística reversa da lata beneficia mais de 800 mil famílias de catadores;
  • O ciclo de vida da lata é de 60 dias, em média;
  • O índice de reciclagem da lata é de 96,9% (2018), o que corresponde a 320 mil toneladas recicladas ou 25 bilhões de unidades;
  • Esse nível de reciclagem da lata reduz, em média, 70% a emissão de gases de efeito estufa e o consumo de energia elétrica em todo o ciclo de vida da embalagem;
  • Cada 1 kg de lata reciclada poupa a extração de 5 kg de bauxita, necessária para a produção do alumínio primário.

Veja também:

Ambev inaugura sua primeira fábrica de latas no Brasil

A Ambev iniciou a operação de uma fábrica de latas de alumínio em Sete Lagoas (MG), com capacidade de produção de 1,5 bilhão de unidades desta embalagem por ano. A companhia busca atender o aumento exponencial do consumo de bebidas enlatadas causado pela pandemia da Covid-19 no mundo todo. “Há um ano, quando começamos a

Nespresso anuncia meta de se tornar neutra em carbono até 2022

A Nespresso divulgou o objetivo global de compensar as emissões de CO2 da sua cadeia de suprimentos e do ciclo de vida do produto até 2022. Segundo a companhia, tudo que for produzido ou comercializado será calculado em créditos de carbono e os impactos ambientais gerados pela atividade industrial serão minimizados totalmente, garantindo a sustentabilidade

Lata da cerveja Devassa ganha nova identidade visual

A cerveja Devassa – do Grupo Heineken no Brasil – está colocando na praça uma nova embalagem para as versões em lata de alumínio (269, 350 e 473 ml). A identidade visual, criada em parceria com a agência de design CBA B+G, apresenta um conceito clean e minimalista. Segundo a marca, a mudança segue o

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Menu