Respirator masks and hand sanitizer gel, woman hand using sanitizer gel for Coronavirus corona virus prevention (PPE)

Com participação da CBA, Instituto Votorantim doa EPIs para profissionais de saúde

Equipamentos são destinados a unidades de atendimento na região de Sorocaba (SP)

As secretarias de saúde dos municípios paulistas de Sorocaba, Alumínio, São Roque e Mairinque foram contempladas com doações de equipamentos de proteção individual (EPIs) para o combate ao novo coronavírus, como máscaras de proteção, luvas emborrachadas, aventais, toucas e álcool em gel, que beneficiarão cerca de 2.800 profissionais.

A iniciativa é fruto do investimento social de R$ 150 milhões feito pelo Instituto Votorantim, numa iniciativa conjunta com a Beneficência Portuguesa (BP) e as empresas investidas Votorantim, priorizando municípios do interior do Brasil.

Para viabilizar as doações, a Companhia Brasileira de Alumínio (CBA), parte do Grupo Votorantim, foi responsável pelo levantamento dos municípios contemplados, considerando um conjunto de indicadores que definem o índice de vulnerabilidade, tais como o número de equipamentos de saúde e de profissionais em cada localidade.

As ações do Instituto Votorantim para apoio à região também incluem o conserto de respiradores pulmonares que estavam fora de operação em hospitais da região.

Veja também:

Estudo aponta futuro promissor para a indústria do alumínio

Uma avaliação inicial sobre o impacto da pandemia da Covid-19 na demanda global de alumínio feita pela consultoria CM Group, a pedido do International Aluminium Institute (IAI), revela que embora seja inevitável a queda em 2020, ainda há otimismo significativo para os próximos 30 anos: a previsão é que a demanda possa atingir 298 milhões

Alunorte e UFPA vão realizar pesquisa sobre o uso do resíduo de bauxita

A Alunorte, refinaria de alumina da Hydro, e a Universidade Federal do Pará (UFPA) firmaram parceria para um projeto de pesquisa, com duração de 18 meses, para estudar a viabilidade de produção de cimento de baixo carbono a partir da mistura do resíduo de bauxita com outras matérias-primas abundantes no Norte do Brasil. A iniciativa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Menu