21_FRD_F15_48646 (1)

Com carroceria de alumínio, Ford F-150 recebe atualização

Veículo mais vendido dos Estados Unidos, picape ganha inovações na versão 2021

A Ford inovou ao adotar no F-150, em 2015, painéis de alumínio para praticamente toda a carroceria, algo até então mais comum em carros de menor escala. Como o veículo já liderava as vendas nos Estados Unidos nas três décadas anteriores, o objetivo era melhorar a eficiência energética, garantindo redução de mais 300 kg no peso total.

Agora, a montadora apresenta a primeira grande atualização no modelo desde então. Com novo visual, a versão 2021 da picape de grande porte possui um corpo único de liga de alumínio de alta resistência, sem adicionar peso considerável ao veículo. O metal ainda colaborou para que se tenha maior capacidade de reboque (5.443 kg), além de carga útil, torque e potência da categoria.

Essa nova versão também trouxe alterações na aerodinâmica. Para ampliar a eficiência energética, por exemplo, foi instalado um novo defletor de ar móvel sob a carroceria. E todas as versões contam com o novo motor híbrido PowerBoost V6 de 3.5 litros.

Mais tecnológica, a F-150 conta ainda com inovações em conectividade, incluindo suporte à manutenção preventiva e funções para melhorar o desempenho. O interior ganhou novos revestimentos (tem alumínio também) e soluções que trazem mais praticidade aos usuários.

Veja também:

Pesquisa estima aumento de 24% no uso de alumínio em veículos leves na América do Norte até 2030

A mais recente pesquisa da Ducker Frontier, North American Light Vehicle Aluminium Content and Outlook, publicada em agosto, confirma a tendência de crescimento contínuo da participação do alumínio no conteúdo dos veículos leves na indústria automobilística norte-americana. Segundo o estudo, a presença do metal no conteúdo médio por veículo produzido deve subir para 233 kg

Tesla deve investir em máquinas gigantes de fundição de alumínio

Para garantir o uso mais avançado do alumínio no segmento automotivo, a Tesla – fabricante norte-americana de veículos elétricos – planeja substituir centenas de robôs por máquinas imensas de fundição. O investimento deve ser feito na planta da empresa localizada na Alemanha e a intenção é fabricar peças únicas de chassis, conforme divulgado pela Reuters.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Menu