Proteus

Com alumínio, pesquisadores criam primeiro material não cortável do mundo

Testes mostram resistência a rebarbadoras, brocas e jatos de alta pressão

Engenheiros da Universidade de Durham, na Inglaterra, desenvolveram o primeiro material não cortável do mundo. Batizado como Proteus, em referência ao deus grego, ele foi inspirado em elementos da natureza e tem a estrutura composta por uma espuma metálica de alumínio e esferas de cerâmica (alumina).

O Proteus é altamente deformável e ultrarresistente a cargas pontuais dinâmicas. Durante os testes, o material não pôde ser cortado por rebarbadoras, brocas ou jatos de água de alta pressão: reverteu a força da ferramenta para si mesmo.

Na prática, o material vibra de uma forma que destrói o disco de corte ou a broca. A cerâmica também se fragmenta em partículas que preenchem a estrutura celular e endurecem à medida que a velocidade da ferramenta aumenta.

Segundo os pesquisadores, as superfícies curvas das esferas de cerâmica do material ampliam o jato de água de alta pressão, reduzindo a velocidade e enfraquecendo a capacidade de corte.

Caso seja fabricado em larga escala, o Proteus poderá ser usado na indústria de saúde e segurança, como na fabricação de equipamentos de proteção para pessoas que trabalham com ferramentas de corte.

Assista ao vídeo, em inglês:

Veja também:

Projeto inspira jovens profissionais a ingressar no mercado do alumínio

No cenário atual de incertezas — também em decorrência da pandemia do novo coronavírus —, disseminar conhecimento, compartilhar experiências e dicas são primordiais para os estudantes de graduação e recém-formados se prepararem para o mercado de trabalho. Atenta a essa demanda e na busca constante pela aproximação com o meio acadêmico, a Associação Brasileira do

Reserva ambiental mantida pela CBA é destaque em Goiás

O Legado Verdes do Cerrado é uma reserva particular de desenvolvimento sustentável da Companhia Brasileira de Alumínio (CBA). Localizada em Niquelândia (GO), a área, de 32 mil ha, sendo 80% de cerrado nativo, administrada pela Reservas Votorantim – gestora de ativos ambientais do grupo – destaca-se pela conservação e nova economia integrada com atividades tradicionais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Menu